sexta-feira, 10 de junho de 2011

África do Sul : Johannesburgo : Vapt-Vupt (Parte V)

Depois de uma meia hora, estávamos na porta do Mandela Square. Até então eu estava dando sorte, este dia era feriado no país e quase não existia trânsito. Conseguimos ir-e-vir com bastante facilidade. Mas, como tudo não pode ser perfeito, a maioria das lojas do shopping estavam fechadas. É, pensando bem, na verdade nesse caso eu também dei sorte, pois se não tenho certeza que quem ia ficar muito feliz era meu cartão de crédito. Mesmo assim ainda consegui encontrar algumas boas lojas abertas.

Mesmo pra quem não quer comprar, o shopping é uma boa pedida. Na praça de alimentação existem boas opções de bares e restaurantes, além da enorme estátua do tão querido Nelson Mandela. Dá uma olhada no tamanho! (Obs.: não sei ainda como não inventaram moda de fazer uma estátua desse tipo do Lula aí no Brasil. Se fizerem, não esqueçam que ele só tem 4 dedos em uma das mãos!)

DSC_0346

Saí do shopping e fui rumo ao…

-Chega né?

É, chega mesmo! Meus pés estavam doendo e minha carteira estava bem vazia! Pra quem está pensando em ir para a África do Sul, prepare-se. Achei tudo de uma maneira geral bem carinho, ainda mais quando nos damos conta que estamos na África! (Lá embaixo tem umas ideias de valores!)

No caminho de volta pro Hotel, dentro do carro do motorista que ficou comigo o dia todo, começou a tocar na rádio uma música do ex-pagodeiro-que-se-acha Alexandre Pires. Perguntei pro motorista se ele conhecia o artista e sabia o que ele estava cantando. Daí ele me respondeu:

-Entendo sim, eu falo português! Sou de Moçambique.

-Não acredito, eu também! Eu sou brasileiro! Ué, mas seu nome não é Steve?

-Não, é Estevão. Steve é como me chamam por aqui.

P-O-R-R-A. Eu falei o dia inteiro em Inglês com um cara que fala a minha língua? Tudo bem, tudo bem, foi bom para eu treinar o idioma!

A noite eu ainda tive ânimo de ir em um Pub. Tudo bem que o bar fica do lado do hotel! Me esbaldei tanto de comer, que só vendo! Nem preciso falar que no dia seguinte estava mal-disposto né? Tive que enfrentar um dia inteiro de avião me contorcendo de dor! Mas tudo bem, valeu a pena!

Bom, até que eu tive um dia bastante movimentado, né?

Pra quem perdeu os outros posts, seguem os links, junto com alguns valores para quem está pensando em ir para lá.

Vamos por partes:

Parte I – Cassino:

Táxi Hotel –Cassino  - Hotel (10 minutos cada trecho) : R250

Jantar Cassino – R250

Parte II e III- Soweto:

Tour de Bicicleta – R320

Parte IV - Lion Park:

Game Drive – R195

Cesta Básica do Viajante:

Diária Hotel próximo Aeroporto– R950

1 Hora de Internet – R90

Água 300ml - R10

Almoço Simples – R100

Jantar Simples – R150

Aluguel de viatura e motorista por um dia inteiro – R1000

Lembrando que, hoje, a taxa de Dólar para Rands é 1 x 6.8!

 

Ah, lembrando: a África do Sul, diferentemente dos países europeus, libera o Tax Refund sem precisar dos formulários emitidos pelas lojas. Basta apresentar as notas fiscais diretamente no balcão do aeroporto. Mas não esqueça, você precisa também apresentar os produtos comprados! Eu dei mole e acabei despachando a maioria na mala. Só alguns itens que eu tinha levado comigo!

Bom, até a próxima! Pra onde é que eu vou, hein? Vamos ver!

2 comentários:

  1. O que na África não é caro!?

    ResponderExcluir
  2. Olá, devo ir para Luanda agora em dezembro, e pretendo fazer essa mesma paradinha em Johanesburgo. Já li todos os seus posts sobre lá e peguei todas as dicas. Quanto ao hotel, me diga qual ficou e se recomenda esse ou algum outro (em outra localidade, por ex)?

    Obrigada, Josiane

    ResponderExcluir

Digo a Bordo!

"Ao retornar de uma viagem, não sei se o mundo diminuiu ou eu é que cresci."

Quer sugerir um destino? Tirar Dúvidas? Ou somente elogiar mesmo?
Escreva para rodrigofranco@digoabordo.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...