domingo, 31 de outubro de 2010

Espanha : Costa da Morte!

Vocês me conhecem: eu me aventuro onde os anjos receiam pisar.

A próxima parada deste blog é a Costa da Morte, na Espanha.

Tem esse nome por que lá acontecem muitos naufrágios ao longo de sua costa perigosamente rochosa, somada as inúmeras tempestades que avassalam a região. Marinheiros desavisados rapidamente são destruídos.

A Costa da Morte é parte da costa da Galícia, que fica na região Noroeste da Espanha, banhada pelo Oceano Atlântico. Começa em La Coruña, onde morei e que ganhará post exclusivo futuramente, e termina em Fisterra.

MapaCostaDaMorte

Nossa ideia era fazer um bate e volta no mesmo dia. Para conhecer todas as praias da Costa da Morte seriam necessários uns 3 a 4 dias.

Começamos nosso trajeto em la Coruña e de lá, com uma minivan alugada, partimos rumo ao nosso primeiro ponto: Playa de Razo. Um point dos surfistas.

100_8043 DSC01980

Eu estava com uma saudade tão grande das praias cariocas que, mesmo com um frio da porra, me aventurei a dar um mergulho. Dos 8, fui o único corajoso!

No caminho para Malpica, nossa próxima parada, passamos por praias intocadas!

DSC01995 DSC01996 DSC02001  

Malpica é uma cidade bem pequena, mas bem aconchegante.

DSC02005 DSC02027

De Malpica partimos para Cabo Santo Hadrián e Islas Sisargas.

DSC02039DSC02033 

Ainda pudemos conhecer Laxe, com seus moinhos de energia eólica e sua areia repleta de algas.

DSC02078 DSC02083

Depois, fora do nosso roteiro original, avistamos uma praia maravilhosa e fomos lá para conhecer.

Playa Trece, uma das praias mais bonitas que já vi na minha vida, somente atrás de uma em Portugal, que brevemente aparecerá aqui.

DSC02104 DSC02135

O mais interessante de todos esses lugares é que a maioria ainda é totalmente preservado e inabitado. Pelo menos foi essa sensação que tive. Como fomos ainda na primavera européia, pode ser que a falta de seres humanos nas praias se justifique. Vai saber.

Nosso ponto final era Fisterra. Seu nome deriva da lenda romana que acreditava que ali, por ser o ponto mais oeste da Europa, era o fim do mundo, ou Finis-terrae. A região foi cristianizada pela Igreja Católica, e não é a toa que ali é ponto de encontro de milhares de peregrinos, pois é onde realmente termina o Caminho de Santiago (muita gente acha que o Caminho de Santiago termina na Catedral de Santiago, mas não!).

S5030007

A vista lá de cima é deslumbrante: mar, mar e mar. A vontade de descer aquele imenso paredão e chegar até a água beirava a loucura. Eu queria chegar realmente no ponto mais Oeste da Europa! E iria?

DSC02175CaboFisterra1 

Vista do Topo do Cabo de Fisterra & Vista Lateral do Cabo de Fisterra (Olha o Paredão!)

[Continua]

3 comentários:

  1. Putz meu, muito lindos os lugares...
    Ainda vou ter essa vida! kkkkkkk
    Saudades de vc e não diga q não dei bola pro blog seu cabeção! rsrsrsr
    TE ADORO Bjs ♥

    ResponderExcluir
  2. sao desertas até mesmo no verao jajajajajajaja, estao todas protegidas pela lei de Costas. Vale a pena vir conhecer este paraiso.. a gente pode nao ter sol quentinho e a água nao é como do Caribe, mas o lugar vale a pena ver. bjs

    ResponderExcluir

Digo a Bordo!

"Ao retornar de uma viagem, não sei se o mundo diminuiu ou eu é que cresci."

Quer sugerir um destino? Tirar Dúvidas? Ou somente elogiar mesmo?
Escreva para rodrigofranco@digoabordo.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...