segunda-feira, 31 de maio de 2010

Angola : Luanda : Corra que os Albinos vem aí!

Bom dia galera!

Já há algum tempo que vinha reparando a quantidade de albinos aqui em Angola. E a cada dia que passa eu vejo mais e mais. No início eu vinha um a cada 3, 4 dias. Agora estou me sentindo perseguido: vejo no mínimo uns 3 por dia!

Fiquei muito curioso por conta disso e resolvi pesquisar. Perguntei aos meus amigos jornalistas angolanos se eles sabiam o porque. Nenhum deles soube me dizer. Para eles era comum a presença deles aqui, não sendo nem motivo de uma apuração jornalística nem tampouco uma matéria a respeito.
Mas não me dei por satisfeito.

Pesquisando na Internet descobri que a média mundial é 1 albino para cada 17.000 pessoas.

Fazendo as contas:
Se Luanda tem 6 milhões de habitantes, teríamos na capital a presença de cerca de 360 albinos.
Se o Brasil tem 190 milhões de habitantes, teríamos a presença de cerca de 1 milhão e 200 mil albinos.

Quantos albinos vocês já viram na vida, ai no Brasil?
Pois é, eu acho que até então eu tinha visto uns 2 ou 3 albinos na vida.
Em 3 meses de Angola já devo ter visto mais de 100! Sem dúvida aqui temos muito mais que a média mundial.



Por que? Continuo sem saber. Será que aqui passamos a percebê-los mais? Acho que não é só isso...


Infelizmente de uma coisa eu não tenho dúvida: como qualquer outro ser humano "diferente", eles sofrem bastante preconceito. 
As pessoas, tanto em África quanto em qualquer lugar do mundo, tem que entender que eles são gente como a gente e que a doença deles não é contagiosa, e sim genética. Inclusive essa doença se manifesta também em animais. Olha esse pavão! Bonito né? 




Mas o que descobri é ainda mais bizarro: aqui em alguns países da África existe um mito que os albinos possuem poderes mágicos e que comer de sua carne lhe traria bonança e prosperidade......... simplificando: DINHEIRO.
Existem até "mercados negros" que vendem um membro de um albino por cerca de 2 mil dólares. Algumas famílias afirmam que fazem a compra para que não tenham que ir aos cemitérios procurar restos dos corpos dos albinos. 
Dá pra acreditar? Pois é....

Obviamente que este mito de poderes mágicos existe mais no interior de alguns países, principalmente em comunidades mais humildes. Não pensem vocês que aqui em Luanda estes tanto albinos que vejo são perseguidos pelas ruas para serem decapitados e "servidos no almoço"

Falando em almoço....

Sábado fui ao mercado fazer umas comprinhas básicas. Biscoito, óleo e detergente.
Dai fui pra fila.

-Opa, essa aqui tá vazia....

O último da fila era um cara com um carrinho. Atrás dele tinha uma cestinha abandonada, sem dono.

-Sr., essa cesta é sua?

-Não!

Estava parecendo que alguém tinha abandonado ali de propósito para alguém achar e "cuidar" das compras, que nem quando deixam bebês na porta da casa dos outros.

Dai não deu 5 minutos e apareceu o dono: um ALBINO (falei que era perseguição!!!!). E não foi só isso: o  cara tava com mais 2 carrinhos de compra abarrotados!!!!!!
O cara deixou a cestinha abandonada lá para guardar lugar na fila!
Tá vendo, os albinos são ou não são iguais a qualquer outro??? Esperto, né! rs

8 comentários:

  1. Mas e aí, vc deixou ele ficar na frente?

    ResponderExcluir
  2. adoro essas pessoas que deixam recado e não assinam....rs

    ResponderExcluir
  3. Amigo vc poderia fazer um filme

    Corra que os albinos vem aí! rsrsrsrs

    ou ainda Albinos contra atacam rsrsrs

    ESta do mercado vc deve ter roncado na fila ne rsrsrs foi dar um de bonzinho se fufu rsrsrsrs

    beijocassssssssssssssssssssssssssssssssss

    amo-te Luciana

    ResponderExcluir
  4. kkkkkkkkkkkkkk

    Amigoooo........lindooo!
    Atualiza esse blog! :)

    Beijos....saudades!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, que exagero de sua parte...sou angolana e nunca vi tantos albinos assim como você! E diga-se de passagem que em Angola não existe essa crença sobre os albinos.
    Esse tipo de perseguição só acontece no Burundi, Tanzânia, Quénia, Ruanda e etc.

    Beijos e adoro o seu blog, me divirto horrores por aqui!

    ResponderExcluir
  6. Katyla, você ACHA que não viu tantos albinos assim. Como você é de Angola, já está habituada a vê-los sempre! Pra quem é do Brasil, por exemplo, é realmente estranho ver pelo menos 1 albino por dia. Aqui a gente raramente vê!!
    Eu sei que essa perseguição só acontece em alguns outros países, apesar de já ter ouvido histórias de que nas províncias isso pode acontecer!

    Obrigado por estar sempre no meu blog, comentando e curtindo os posts!!!

    ResponderExcluir

Digo a Bordo!

"Ao retornar de uma viagem, não sei se o mundo diminuiu ou eu é que cresci."

Quer sugerir um destino? Tirar Dúvidas? Ou somente elogiar mesmo?
Escreva para rodrigofranco@digoabordo.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...